Notícias > Sucesso na montanha: uma jornada

Sucesso na montanha: uma jornada

Uma viagem à montanha não é algo convencional, pelo menos não à maioria dos brasileiros. Basta avaliarmos em nosso meio social quantos são os praticantes dentre as pessoas que conhecemos. A maioria das famílias brasileiras não possuem montanhistas ainda, as poucas que possuem contam com 01 a 02 praticantes. Ainda há desconhecimento sobre quão democrática e deliciosa é essa prática simples e enriquecedora. A troca de informações e discussões sobre a melhor maneira de praticar tal atividade é ainda pouco explorada. Mas, existem praticantes, guias, instrutores, empresas, clubes e escolas de escalada e montanhismo que estão tentando difundir essa cultura. Há muito a compartilhar. Quanto mais compartilhamos, mais agregamos em experiencia pessoal.

O mais importante desta jornada de conhecimento e vivência é o primeiro passo!

O passo do sonhar, idealizar, desejar estar na montanha. A partir disso, buscar informações e preparar-se para a realização com segurança é a chave para cultivar este hábito que pode ser o ponto de equilíbrio do ser humano entre trabalho e lazer.

O ambiente hostil da montanha pode gerar capacidades muito positivas aos seres humanos, algumas que mais admiro são tolerância, disciplina, foco, resiliência, sensibilidade, solidariedade, paciência, humildade, cooperação e autoconhecimento.

A prática de montanhismo, seja ela caminhada ou escalada, é algo que pode ser realizada por todos, basta apenas compreender as características do local a visitar e se preparar para um bom desempenho.

A preparação para ir à montanha deve acontecer com bastante antecedência para que todos os quesitos sejam atendidos.

É fundamental reconhecer quais as exigências físicas e técnicas da montanha que será visitada, bem como tomar nota da melhor logística para uma boa adaptação à tal atmosfera.

Não se esquecer dos documentos necessários para visitar a região.

Realizar a avaliação física para compreender melhor as capacidades físicas que podem ser melhor desenvolvidas, bem como estabelecer um plano de treinamento específico para o objetivo traçado trará mais eficiência ao desempenho na montanha.

Cuidar da saúde é fundamental para uma boa experiencia na montanha, por isso check-up e manutenção dos cuidados do corpo e da mente. Então, garantir uma boa nutrição alimentar e boas práticas esportivas são essenciais, mas agregar outros profissionais da saúde à essa rede de cuidados é relevante. Ter o acompanhamento de um dentista é indispensável, especialmente quando se trata de alta montanha e baixas temperaturas. Cuidar do alinhamento osteo-muscular pode evitar lesões graves na montanha, tenha um osteopata de sua confiança para avaliações periódicas. Mantenha sua avaliação cardiopulmonar em dia. Cuide para que todo o “trabalho” aconteça antes da viagem, na montanha vivenciará apenas as experiencias positivas.

A montanha pode oferecer condições muito adversas como alterações climáticas, temperaturas intensas, altitude elevada, terreno acidentado e muitas outras instabilidades. Para tanto, faça boas escolhas e pratique bons hábitos antes da viagem, assim fica garantido um alto nível para lidar de modo muito eficiente com cada desafio da empreitada.

Quanto mais nos preparamos, mais confiança e segurança alcançamos.

As belas experiencias nas montanhas dependem em boa dose da nossa atitude. Sigamos em frente!

Aretha Duarte | Montanhista